Category Archives: Expo Arquitetura Sustentável

ABRAVA é uma das entidades apoiadoras da Expo Arquitetura Sustentável

São Paulo, março de 2014 – “Todas as alterações comportamentais são fortes quando surgem de baixo para cima, induzidas por sugestões de líderes governamentais, campanhas educacionais e exemplos gerais”. É nisso que acredita Wadi Tadeu Neaime, presidente da Abrava – Associação Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Ventilação e Aquecimento. A entidade apoia e participa da primeira edição da Expo Arquitetura Sustentável, e Neaime apresenta um pouco do trabalho da Abrava no âmbito de aproximar a tecnologia ecologicamente correta do grande público. “Há anos temos trabalhado na questão da proteção ao meio ambiente, desenvolvendo seminários, palestras e projetos para nosso público em geral, com objetivo de apresentar as vantagens e necessidade de utilização de mão de obra treinada, combate ao desperdício de materiais, utilização da água com o reuso, eficiência energética etc”.

 Tornar a construção e arquitetura sustentável assuntos mais próximos do consumidor, engenheiro, arquitetos é uma das principais motivações da Expo Arquitetura Sustentável – Feira Internacional de Construção, Reforma, Paisagismo e Decoração, evento criado e promovido pela Reed Exhibitions Alcantara Machado, e que acontece de 26 a 28 de agosto de 2014, no Expo Center Norte, em São Paulo. A promotora lança a nova feira com todo o know-how de organizadores e promotores de quatro edições de Greenbuilding Brasil, também realiza há 20 anos a Feicon Batimat, maior feira de construção civil na América Latina, Expolux – Feira Internacional da Indústria da Iluminação, Febrava – Principal feira do setor de HVAC-R e Feicon Nordeste.

ABRAFATI aponta nova realidade para setor de tintas, com tecnologias sustentáveis

Hoje mais de 85% das tintas imobiliárias são à base de água, o que diminui muito o uso de solventes orgânicos no produto. Entidade do setor de tintas é apoiadora da Expo Arquitetura Sustentável.

São Paulo, março de 2014 –
A Abrafati – Associação Brasileira dos Fabricantes de Tintas – estará presente na Expo Arquitetura Sustentável – Feira Internacional de Construção, Reforma, Paisagismo e Decoração, apoiando suas diversas associadas que oferecem produtos ambientalmente corretos em suas linhas. Para Gisele Bonfim, gerente técnica da entidade, o grande desafio está na sensibilização e conscientização. De acordo com a executiva, o cenário é cada vez mais positivo.  “O nível de conscientização da população vem crescendo, em função da importância da sustentabilidade, e também por causa dos investimentos dos fabricantes de tintas para promover os diferenciais de seus produtos em relação a esse aspecto. A legislação vem avançando também, e exige mais qualidade nos materiais de construção, o que também influencia o mercado e o comportamento do consumidor”, acredita.  Hoje mais de 85% das tintas imobiliárias são à base de água – o que diminui muito o uso de solventes orgânicos no produto. Isso significa menor emissão de VOCs (compostos orgânicos voláteis).

Mas além da oferta de produtos com menor impacto ambiental, a aplicação correta da tinta proporciona uma vida útil mais sustentável também, para o material, e um material menos agressivo para o trabalhador. Bonfim também explica que para obter um bom resultado na pintura, todo o sistema precisa ser adequado. Isso inclui itens como a preparação da superfície a ser pintada. “A superfície precisa estar firme, uniforme (sem buracos ou rachaduras), seca e sem poeira, gordura, graxa, sabão ou mofo. Antes de pintar, é preciso verificar e corrigir imperfeições na parede, com argamassa ou massa corrida. Em caso de reboco novo, é preciso aguardar 28 dias no mínimo para a sua secagem, antes da pintura”.

Além disso, a escolha da tinta deve obedecer o tipo de superfície: alvenaria, metal ou madeira. O segundo critério básico é o local onde será aplicada: interior ou exterior do imóvel e o tipo de cômodo. “Após a definição do local, é importante verificar se a tinta atende às especificações mínimas determinadas pelas normas técnicas brasileiras. Esse é o melhor critério técnico para saber se uma tinta tem padrões mínimos de qualidade. Vários fabricantes de tintas participam do Programa Setorial da Qualidade – Tintas Imobiliárias, ligado ao PBQP-H do Ministério das Cidades, que tem como objetivo melhorar a qualidade das tintas no mercado brasileiro”, esclarece

A utilização das técnicas corretas para aplicação dos produtos, seguindo as instruções do fabricante, e a compra da quantidade certa do produto também são fatores cruciais. “Para evitar sobras de tintas, a orientação da Abrafati é a de planejar antes de pintar, ou seja, calcular quanto vai usar de tinta, para a sobra ser a mínima possível. Nas embalagens está informado o rendimento da tinta. Além disso, os principais fabricantes ajudam a dimensionar a quantidade de tinta necessária, em seus websites ou nos serviços de atendimento ao cliente. A regra é: “medir duas vezes e comprar apenas uma vez”.

Tornar a construção e arquitetura sustentável assuntos mais próximos do consumidor, engenheiro, arquitetos é uma das principais motivações da Expo Arquitetura Sustentável – Feira Internacional de Construção, Reforma, Paisagismo e Decoração, evento criado e promovido pela Reed Exhibitions Alcantara Machado, e que acontece de 26 a 28 de agosto de 2014, no Expo Center Norte, em São Paulo. A promotora lança a nova feira com todo o know-how de organizadores e promotores de quatro edições de Greenbuilding Brasil, também realiza há 20 anos a Feicon Batimat, maior feira de construção civil na América Latina, Expolux – Feira Internacional da Indústria da Iluminação, Febrava – Principal feira do setor de HVAC-R e Feicon Nordeste.