Category Archives: Fenabrave

BNDES é responsável por 71% das vendas de caminhões e ônibus no Brasil

Claudio Bernardo Guimarães de Moraes, superintendente da entidade e palestrante do 24º Congresso & ExpoFenabrave, em Curitiba, disse acreditar na recuperação do setor de automóveis

 O Financiamento de Máquinas e Equipamentos (FINAME) é hoje responsável por 71% das vendas de caminhões e ônibus no Brasil, apontou o superintendente do BNDES, Claudio Bernardo Guimarães de Moraes, durante workshop sobre perspectivas de financiamento apresentado no 24º Congresso & ExpoFenabrave, em Curitiba, nesta quinta-feira, 14.

Desde 2007, houve um crescimento de mais de 20% de participação do banco no total de financiamento nacional. “A crise gerou oportunidade para o segmento de consórcio, e o BNDES foi fundamental para fortalecer a indústria e o que mais é envolvido, como fabricação de peças e outros itens”, contextualizou Moraes. “No entanto, não é bom o mercado ficar 100% dependente de nós”.

Guimarães de Moraes disse acreditar numa retomada do setor automotivo no Brasil e destacou que, até junho de 2015, o segmento de máquinas agrícolas terá as mesmas condições de financiamento atuais. No entanto, ressaltou que o BNDES deverá ser mais seletivo no terceiro quadrimestre devido às eleições presidenciais. “A alocação de recursos será mais cuidadosa”, alertou. “Isso nos tornará operacionalmente mais restritivos. Temos que ser mais precavidos.”

Presidente da BMW Group Brasil afirma que concessionários devem continuar investindo em tempos de crise

Os investimentos das concessionárias não podem parar por causa da retração econômica. Essa é a avaliação de Arturo Piñeiro, presidente da BMW Group Brasil, que afirmou que os projetos desenhados antes da crise precisam continuar, de maneira que sejam concretizados tanto nos períodos de crescimento quanto nos de queda. “É justamente por acreditarmos no potencial do país que seguimos com nosso plano de investir 240 milhões de reais no Brasil”, disse o executivo, lembrando a instalação da fábrica da marca, em Santa Catarina, durante Palestra Magna realizada no 24º Congresso e ExpoFenabrave, em Curitiba.

Além disso, Piñeiro lembrou que todos os departamentos das concessionárias devem ser lucrativos. Segundo ele, reclama-se muito do baixo lucro gerado pela venda de veículos novos. No entanto, a venda de usados é muitas vezes uma fonte de receitas até mais interessante. Ele também apontou a venda de peças, serviços e seguros, às vezes tida como um “patinho feio”, mas que pode ser responsável por uma importante geração de caixa das concessionárias que gozam de uma boa saúde financeira.

Financeiras das montadoras buscam com bancos resgate mais rápido de veículos

A Associação Nacional das Empresas Financeiras das Montadores – Anef – está buscando meios de agilizar o processo de retomada de clientes de financiamentos de veículos inadimplentes. De acordo com o presidente da entidade, Décio Carbonari, que ministrou palestra no 24º Congresso e ExpoFenabrave nesta quarta-feira (13), em Curitiba (PR), as negociações estão em andamento junto a representantes do governo. A Federação Brasileira de Bancos – Febraban –também participa das conversas.

A estimativa de Carbonari é que, apenas com essa medida, 30 mil carros possam ser financiados por mês, o que teria um impacto semelhante à desoneração de IPI em um ano. “Existem vários mecanismos para implementar um resgate mais eficiente. Hoje, conseguimos recuperar de 20 a 25% desses veículos. Mais do que aumentar a margem, esse tipo de ação pode dar mais confiança aos agentes financiadores”, disse.

Fim do crédito farto derrubou em 4,5% as vendas automotivas, afirma presidente do Sescon

Sérgio Approbato Machado Junior participou de seminário a respeito da importância e conceitos técnicos do capital de giro, durante o 24º Congresso e ExpoFenabrave, em Curitiba (PR)

 A contabilidade é parte crucial para o sucesso de desempenho de uma empresa automotiva, porém, em tempos de recessão, o cuidado deve ser redobrado com o capital de giro, essencial para o bom funcionamento do negócio. Um seminário a respeito do assunto ocorreu no 24º Congresso e ExpoFenabrave, nesta quarta-feira (13), em Curitiba (PR).

“O fim do crédito farto derrubou em 4,5% as vendas automotivas neste primeiro quadrimestre e, como consequência, ocorreu o aumento de estoque e diminuição do capital de giro”, explicou Sérgio Approbato Machado Junior, presidente do Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis – Sescon-SP. “Situações assim são críticas porque o capital de giro contribui significativamente para aumentar a eficácia dos recursos gerados em uma empresa”, complementa.

Em um seminário repleto de detalhes técnicos e úteis para contadores e economistas automotivos, Approbato, junto aos consultores Edson de Araújo e Francisco Mendes, explanou desde os conceitos mais básicos até os mais técnicos: a manutenção do controle financeiro básico; controles de estoque; controle mensal de despesas e estrutura de capital, entre outros.

“A tendência dos capitais de giro foi de queda em 2014”, alertou Francisco Mendes, mas com ressalvas: “Porém, há alternativas para solucionar problemas internos: formação de reserva financeira e estoque e redução do número de inadimplentes são apenas alguns que não possuem influência externa. Isto é, não dependem de resultados do mercado para ocorrerem. “Uma boa contabilidade faz com certeza a diferença no resultado de uma empresa”, finaliza.

Executiva da Google diz que 93% dos jovens compradores de carros pesquisam opções na internet

Kate Balingit, diretora do segmento automotivo da empresa de tecnologia, está em Curitiba (PR) e participa do 24º Congresso e ExpoFenabrave

 A maioria dos jovens da chamada geração Millenium (nascidos entre 1980 e 2000) utiliza a internet antes de comprar um automóvel. Segundo a diretora global do segmento automotivo da Google, Kate Balingit, 93% desse público realiza pesquisas online e cerca de 25% dele considera ao menos quatro marcas diferentes de carros antes de tomar a decisão de compra. A executiva de uma das empresas com maior presença online do mundo participa como palestrante do 24º Congresso e ExpoFenabrave, em Curitiba (PR).

Kate, que faz parte da geração Millenium, utilizou da própria experiência para exemplificar alguns dados, como a extinção de monopólios automotivos. “Nos EUA, foi-se o tempo da predominância de Ford e Chevrolet. Quando meu pai me ajudou a escolher um carro, há um ano, nós pesquisamos tudo pela internet – considerando seis marcas – e chegamos à concessionária sabendo as especificações e o preço justo a pagar por este determinado veículo”, conta.

O evento organizado pela Fenabrave – Federação Nacional da Distribuição de Veículos – é reconhecido como o maior do setor de distribuição automotiva da América Latina e o segundo maior do mundo. O encontro acontece de 13 a 14 de agosto. No Expo Unimed Curitiba. Mais informações em www.congresso-fenabrave.com.br.