Urbanismo com design e criatividade é possível sim

foto-dia-10-nov

Por Mônica Barbosa

Atualmente, a mobilidade urbana tem sido bastante discutida pelo mundo. Afinal, movimentar-se pelas cidades é uma tarefa cotidiana para os transeuntes, mas que requer muito planejamento e a atenção especial de arquitetos e urbanistas para que ocorra de forma segura e cômoda. Um bom exemplo é o do escritório holandês Next Architects,  que usou muita criatividade e design para criar uma ponte para pedestres na China.

Intitulada “The  Lucky Knot” (o laço da sorte, em inglês, em referência ao seu formato), a ponte tem chamado a atenção de quem passeia pela cidade de Changsha, no centro-sul do país. Com 185 metros de comprimento e 24 de altura, ela apresenta uma estrutura toda diferenciada e não é apenas por causa da sua marcante tonalidade vermelha: a ponte oferece múltiplos trajetos, deixando o caminho mais divertido e inusitado para quem passa, além de proporcionar um belo visual integrado à cidade por causa das passagens instaladas em diferentes alturas.

Como a localização também oferece belas vistas para a cidade e para o rio que corta o município, a The Lucky Knot acabou por se transformar em uma atração turística, elevando à potência máxima essa tendência atual de aproveitar bem o espaço público. “Nosso escritório se distingue por proporcionar um design que se conecta com os arredores, aumentando assim a experiência de quem passa pelo local e adicionando valor ao projeto”, diz Michel Schreinemachers, parceiro do Next Architects. “Esse é exatamente o caso de Changsha. A cidade está crescendo e mudando rapidamente, um cenário como esse exigia uma arquitetura que inspirasse moradores e visitantes”, explica o criativo.

Com expertise em urbanismo feito com criatividade, os profissionais do escritório mostram que fizeram direitinho a lição de casa para que pudessem entregar uma estrutura que tivesse a ver com a cultura local e o momento presente. “Antigamente, na China, peças artesanais com a configuração de um laço simbolizavam sorte e prosperidade”, explica o sócio John van de water. “A ponte é mais do que uma conexão entre as duas margens do rio, é uma junção de culturas, histórias, tecnologias, artes, inovações e arquiteturas que representam o mundo contemporâneo”, finaliza Jiang Xiaofei, que também está no comando do Next Architects.

MÔNICA BARBOSA é reconhecida como a voz do design no Brasil. Idealizadora e diretora do LIVING DESIGN, a profissional multimídia estreou o primeiro programa de design no rádio no Brasil. Assina a coluna Design na revista semanal Caras e está presente no CarasBlogs, no Anuário de Decoração Caras e na revista mensal Minha Casa . Profunda conhecedora do comportamento estético, do estilo de vida e do morar contemporâneo, a publicitária se especializou em arquitetura e design ao desenvolver projetos de branding para grandes marcas do setor. A partir de 2016, é também parceira da Feicon Batimat, maior feira da construção civil da América Latina.